Acho engraçada essa ideia de que o melhor de Deus ainda está por vir. Segundo essa máxima, abundantemente divulgada em muitos cânticos e mensagens, há sempre algo mais especial para nós mas que ainda está guardado por Deus. Essa mania de achar que o melhor ainda vai chegar e de lançar o mais perfeito e completo para a próxima esquina está diminuindo nossas expressões de gratidão, enfraquecendo nosso contentamento, e alimentando uma danosa insatisfação entre as pessoas.

Então, você não tem o melhor de Deus hoje? Não é grato a Deus pelo que tem hoje? O melhor de Deus é um salário mais alto? Um carro melhor? Não há nada para dar graças hoje? E se você cantou essa letra há um ano atrás? O melhor já chegou? Se já é o melhor, por que está cantando novamente? Se não é o melhor de Deus é o quê? Deus tem o melhor e o "menos melhor"? (desculpe pela invenção).

Se o melhor ainda está por vir, então hoje eu tenho o mais ou menos de Deus? Pense um pouco. Se essa afirmação tem a ver com a escatologia e com a vida eterna, com o porvir da eternidade, com a volta de Cristo e seus desdobramentos então está no tempo certo, e tem fundamento, mas sabemos que a mensagem não é essa. Nesse pensamento o melhor é daqui. O melhor, nessa ideia, geralmente tem a ver com coisas materiais.

É bom refletir e agradecer por aquilo que Deus já tem nos dado, pois corremos o risco de deixar o melhor de Deus passar sem perceber que já o temos, e pior, sem desfrutar dele. Na história do povo de Deus há um alerta muito sério. Eles (os israelitas) eram escravos no Egito, e receberam uma promessa (o melhor de Deus estava por vir). Depois foram para Canaã, a Terra Prometida (o melhor de Deus havia chegado), não valorizaram, não agradeceram, não se contentaram, e não desfrutaram do melhor de Deus, e por fim foram expulsos da terra (o melhor de Deus passou!!!).

Confesso: Tenho uma enorme dificuldade de cantar que o melhor de Deus está por vir. Olho para minha adorável esposa, meus adoráveis filhos, minha casa, meu Fiat Palio 2005 (até ele!), a igreja, meus irmãos, meus amigos, a salvação imerecida, a graça e a misericórdia de Deus, o perdão de pecados, e tantas outras coisas, e sinto vontade de agradecer a ele, porque já tenho o melhor de Deus para minha vida nesta terra.

Pode melhorar? Algumas coisas sim, é claro. Mas estou contente? Sim, estou contente com o que Deus já me deu hoje.

Olhe à sua volta e creia que Deus vai continuar abençoando sua vida, mas dê graças por tudo o que ele já deu, por tudo o que já chegou, pelas bênçãos do "hoje", e pelas bênçãos do amanhã. Lembre-se: Tudo o que Deus dá é o melhor dele mesmo.

Conheça o livro Quando a gente muda
Contato e comentários: danielglimajr@gmail.com
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional
Photo by Ben White on Unsplash